top of page
  • Foto do escritorchefmariandrade

4 dias em Paris - Meu roteiro

Atualizado: 4 de mai. de 2023

Se você me acompanha no Instagram, você já sabe que Paris é um dos meus lugares favoritos no mundo. Não tem como!! Cada canto daquela cidade conta uma historia, a gastronomia é boa em QUALQUER lugar que você pare e sente para comer, lá se mistura arte e cultura e você presencia a história, sabe ?! Ah, não posso deixar de falar da beleza inexplicável que a cidade tem, tanto é que ela é conhecida como "a Cidade Luz".


Essa foi minha segunda ida à Paris; quando fui em 2016, eu era muito nova então eu não lembro de tantas coisas. Dessa vez, fui aberta a vivenciar todas as situações possíveis!! Realmente me sentir uma parisiense #quesonho #MariinParis 😂😂 Nossa viagem foi bem rápida, mas foi tempo o suficiente para conhecermos os principais pontos turísticos da cidade. Eu pude realizar o sonho de passar meu aniversário lá e levar meu marido na Igreja mais linda que eu já fui (uma das poucas coisas que lembro da viagem de 2016). Então chega de papo e vamos falar do nosso roteiro...


Day 1 Arco do Triunfo Torre Eiffel Chegamos em Paris por volta de 10hrs da manhã; fomos ao hotel deixar as malas, já que nosso check in era às 14hrs. O hotel disponibiliza um local para deixar as malas e poder aproveitar o dia que você chega na cidade sem precisar esperar a hora do check in. Nosso hotel, Hotel Elysées Union, muito bem localizado, ficava próximo ao Arco do Triunfo.


Assim que deixamos as malas no hotel, fomos para o Arco do Triunfo, uma construção que representa as vitórias do exército francês na época de Napoleão (1799-1815). Para acessá-lo, é necessário comprar o ingresso – uma dica boa: nós chegamos em Paris com todos os ingressos já comprados pelo Get Your Guide. Nós quase não pegamos fila para entrar e, após subir cerca de 286 degraus (se prepare hahahaha, pq eu cheguei morta), você encontra no primeiro piso um pequeno museu que conta a historia da construção do Arco. No topo, você consegue ter uma vista espetacular da cidade. Eu achei incrível, pois de lá, conseguimos ver as várias ruas que levam ao Arco, alguns pontos turísticos importantes e claro, a Torre Eiffel.


Como queríamos viver o dia a dia em Paris, decidimos fazer a maior parte das coisas a pé. Não é impossível, mas vá preparado para andar bastante. 👀


Depois do Arco do Triunfo, partimos a pé para a Torre. Nós tínhamos ingresso para subir até o topo - na hora de comprar os ingressos, preste atenção (!), pois existem ingressos que não dão acesso aos 3 níveis da torre e também alguns são pela escada (1.665 degraus) e outros pelo elevador. O nosso dava acesso direto de elevador ao segundo andar; por lá, andamos e fizemos muitas fotos, depois pegamos o elevador e subimos ao topo. Sério, é MUITO alto, por incrível que pareça o elevador é mais rápido indo para o topo do que do térreo ao segundo andar. Lá em cima pudemos apreciar a vista e fazer um brinde com uma taça de espumante que compramos no Bar da Torre, afinal temos sempre que comemorar a vida!! Só sei dizer que foi um momento INESQUECÍVEL!!



Day 2 Ponte Alexandre III Place de La Concorde Jardin des Tuileries Museu do Louvre Champs Elysées No segundo dia, iniciamos nosso roteiro andando pela Ponte Alexandre III, uma ponte extravagante e ornamentada de Paris. Ela atravessa o Rio Sena e tem uma linda vista da torre.

Depois caminhamos para a Place de La Concorde, a segunda maior praça da França, com um obelisco no centro e duas fontes monumentais que misturam a imagem humana com animais marinhos. Do obelisco, conseguimos ver, ao fundo, o Jardin des Tuileires e o Louvre; do outro lado, a avenida Champs Elysées que leva ao Arco do Triunfo.




Andamos pelo Jardim, apreciamos sua beleza, descansamos os pés e comemos os famosos Macarons Ladurée, nesse link, eu conto o que você não pode deixar de comer em Paris. Depois, andamos até o Museu do Louvre, já que normalmente os ingressos de lá são com hora marcada.


O Museu do Louvre é ENORME. Dá pra se perder real hahahaha então assim que entrar, pegue o mapa do museu na recepção (disponível em várias línguas, mas não achamos em português 😞).


Existem várias obras de artes, pinturas e esculturas de artistas renomados internacionalmente. Caso você seja amante da arte, recomendo pegar o audioguia que te explica sobre cada peça e parte do museu. Para ver o quadro mais famoso do mundo, a Monalisa de Leonardo da Vinci, tem uma fila, mas foi rápido e nós conseguimos tirar foto com ela e dela de pertinho hahahaha.


Como estava no roteiro e eu não sou boba, aproveitei que era meu aniversário e encaixei o famoso passeio pela Champs Elysées nesse dia 😎💁🏼‍♀️

À noite, fomos jantar no Cantina di Luca (conto mais sobre os restaurante que fomos aqui) e pegamos uma chuva de verão, que foi rápida e, felizmente, não atrapalhou nossa viagem.



Day 3 Basílica de Sacré Croeur Wall of Love - Muro do “Eu Te Amo” Le Moulin Rouge Catedral de Notre Dame Panteão Jardim de Luxemburgo Trocadero Nesse dia acordei animada, pois iríamos à Basilica de Sacre Couer (Sagrado Coração de Jesus) e ao bairro dos artistas (Montmartre).

Como nosso hotel ficava um pouco distante, pegamos o metrô. Compramos o ticket na estação Victor Hugo e lá fomos nós.


Como falei lá no inicio, essa é uma das poucas coisas que lembro da minha viagem em 2016. Independente de sua crença, é um lugar necessário para se visitar. Essa igreja é especial demais pra mim. A escadaria até ela tem 197 degraus, e ao chegar ao topo, você consegue ter uma vista bonita da cidade. A basílica fala por si só, com sua arquitetura grandiosa e fantástica. Ao entrar, eu só sabia agradecer e me emocionar, por estar voltando ali. Era a realização de um sonho o de voltar naquele lugar.


Andando pelo bairro de Montmartre, visitamos o Muro do “Eu te amo”, que, como o nome sugere, é um muro escrito “eu te amo” em diversas as línguas, afinal de contas, a cidade tem toda uma vibe romântica no ar.











De lá, partimos para fazer umas fotos no Moulin Rougue, que é uma casa de espetáculos que atrai público do mundo todo (já esta na lista para a próxima ida a Paris) 😉.




Também visitamos a Catedral de Notre Dame, que está temporariamente fechada pois está sendo reconstruída após o incêndio de 2019.




Visitamos também o Panteão mas não entramos. Seu exterior é grandioso e foi criado com a intensão de misturar a arquitetura gótica com a arquitetura grega.


Como não podia faltar, fomos caminhar pelo Jardim de Luxemburgo, que é um dos jardim mais populares da cidade.







Um lugar calmo e agradável, com de flores e árvores, com cadeiras de ferro espalhadas pelo jardim, com fontes e o bonito Palácio de Luxemburgo. Um lugar perfeito para sentar e relaxar após andar bastante pela cidade.







Para finalizar o dia, andamos até o Jardim e a Place du Trocadéro, uma área do outro lado do Rio Sena que tem a vista PERFEITA para a Torre. Nesse link aqui eu conto todas as dicas para fazer as melhores fotos em Paris. ❤️📸




Das escadarias nós assistimos a Torre iluminar-se ao escurecer e piscar a cada hora completa. Sim, a cada hora cheia, a Torre pisca por 5 minutos; no verão, começa às 21hrs e no inverno, às 18hrs. Um espetáculo! Nesse momento havia um show na frente das escadarias de um artista de rua e eu juro que chorei em estar sentada ali, vendo essa cena com a melhor companhia, meu marido. Por isso eu digo e repito, Paris é Perfeito! Como eu amo essa cidade. 🫶🏻🇫🇷



Day 4 Palácio e Jardim de Versalhes Nosso quarto dia foi reservado para visitarmos outra cidade perto de Paris, Versalhes. Um passeio e tanto! Começamos o dia pegando um ônibus para lá, o trajeto dura cerca de 45 minutos. Eu já tinha ouvido falar, mas nunca imaginei que seria tão grande. Serio, o lugar é lindo! Além de sua arquitetura grandiosa e luxuosa, o jardim é IMENSO, são mais de 800 hectares, e é tudo super bem cuidado! E como guarda tanta história aquele lugar, foi um cenário importantíssimo para a história da França e da Europa.


Fiquem atentos também na compra de ingressos, alguns são com audioguia, como o nosso, e outros com guia, sem falar que o ingresso diferem entre conhecer o Palácio e o Jardim ou o Palácio, o Jardim e aposentos de Maria Antonieta, monarca do século XVIII. Iniciamos nosso tour pelo Palácio. É possível conhecer mais sobre a construção do Palácio, as famílias de monarcas que viveram lá, conhecer os aposentos do Rei e da Rainha, visitar a Galeria dos Espelhos, uma galeria de 73 metros de comprimento que possui 375 espelhos onde foi assinado o Tratado de Versalhes no fim da Primeira Guerra Mundial (1919).




O Jardim é impossível de ser visitado a pé, existe um carrinho de golfe para alugar (já esta na lista da próxima ida a Paris) hahahaha enfim, só pra vocês terem uma ideia do tamanho, existem inúmeras flores e plantas, um Palácio de Mármore Rosa de Maria Antonieta, um vilarejo, estátuas e fontes. Lugares muito bonitos para apreciar a natureza e tirar belas fotos.




Agora que você já viu nosso roteiro, pode planejar sua viagem pra a Cidade Luz !! Tenho certeza que você também vai se apaixonar por essa cidade incrível !! Xoxo, Chef Mari Andrade.

38 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page