top of page
  • Foto do escritorchefmariandrade

3 coisas que você não pode deixar de comer em Paris

Atualizado: 30 de set. de 2022

Bem, que a Gastronomia Francesa é famosa no mundo inteiro a gente já sabe!! O que as pessoas não sabem é que na França cada região tem suas próprias características e sabores, e como Paris é uma região central, é facilmente influenciada por essas várias regiões, logo você encontra qualquer produto do país por lá.


Não podemos esquecer que Paris também é um dos lugares mais visitados no mudo, então há muitas opções para comer por lá. Existem vários restaurantes internacionais, com comidas boas, nesse link eu conto sobre os restaurantes que visitamos.


Enfim, eu listei aqui 3 coisas que você precisa experimentar na sua próxima ida à Paris. Eu sei que existem muitas outras coisas, mas como não conseguimos experimentar tudo, vou dar minha opinião sobre o que comemos...


Croissant

Ir na França e não comer um Croissant é quase um crime né 😂🥐


Por incrível que pareça, o croissant não é de origem francesa. 😱 Afirmam os estudiosos que foram os padeiros de Viena (Áustria) que criaram esse pão doce em forma de meia lua.


Em 1770, Maria Antonieta, monarca austríaca, foi para a França se casar com Luís XVI e levou suas tradições, incluindo o Kipfel (nome do croissant nas primeiras versões).


Os segredos para essa massa ser um sucesso são suas inúmeras dobras, o sabor amanteigado, sua cor dourada e uma crosta super crocante. São super leves, né? 😍


Andando pelas ruas de Paris você o verá em padarias, confeitarias e cafeteiras. Uma ótima opção também é o Pain au chocolat, que é uma versão do Croissant com recheio de chocolate, SENSACIONAL.


Só te digo uma coisa: CROISSANT + PARIS = PERFEIÇÃO



Macarons

Esse aqui é um clássico! O Macaron é de origem Italiana; após o comercio marítimo, as amêndoas foram levadas a Italia e então se tornaram o principal ingrediente da confeitaria Italiana. Dizem que então surgiu um "biscoito" simples, feito apenas amêndoas, açúcar e clara de ovos. Muito popular entre os nobres Italianos, conhecido como Maccheroni.


O Maccheroni chegou a França em 1533, pelo Chef Patisserie de Catarina de Medici em seu casamento com Henrique II. Com o passar dos anos, veio a evolução dessa receita. Na metade do século XIX, Pierre Desfontaines, primo de Louis Ernest Ladurée (fundador da tradicional e luxuosa confeitaria francesa fundada em 1826, Ladurée) resolveu mexer um pouquinho na receita original, colocando recheio de ganache no meio de dois biscoitos.


Então Ladurée transformou os Macarons em tradição Parisiense. Os franceses são considerados os melhores fabricante de Macarons do mundo. Eles falam que é necessário ter “mãos de artesão, paciência de monge e disciplina militar”, porque se trata de um doce “temperamental”.


Claro que comemos os Macarons da Ladurée, pedimos apenas dois, pois não somos tão fãs de Macarons. Eu pedi o de Pétala de Rosa e Caio, o de Chocolate. O meu tinha um gosto bem peculiar 😂 confesso que eu pedi mesmo porque era rosa 🤡 E não recomendo... Mas o do Caio era bem gostoso!!


Então agora já sabe onde e porque apreciar um Macaron na França.


Sorvete Amorino

A Amorino nasceu em 2002, criada por dois italianos que são amigos de infância e resolveram abrir uma sorveteria e levar um pouco da gastronomia italiana para o mundo.


Nós passamos por várias lojas e eu não entendia por que sempre tinha fila... Até que, perto da Notre Dame, decidimos tomar esse sorvete e ai fez sentido o porquê de estar sempre cheio. Pensa em um sorvete bom, bonito e barato. É isso!


Quando você compra o sorvete na casquinha, ele é preparado em formato de flor. Isso mesmo, é a marca registrada da Amorino. O que eu achei mais legal é que não existe uma quantidade mínima de sabores para você escolher, eles indicam 3 sabores mas afirmam que se necessário farão uma pétala de cada sabor.


Alem de sorvete, eles vendem waffles, macarons, milkshake e chocolates (já esta na lista da próxima viagem à Paris o retorno à Amorino).😂


Eu pedi o de Morango com Baunilha, maravilhoso. Parece que você esta comendo a fruta: ele tem um azedinho, mas é doce na medida perfeita. O do Caio foi de Chocolate com Doce de Leite, super cremoso e estava uma delicia.


Agora que você já sabe o que PRECISA experimentar, já deixa na sua lista para quando aterrizar em Paris.✈️🇫🇷 Bon appétit!


Xoxo, Chef Mari Andrade.

117 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page